Transtornos de Identidade de G�nero - GID/GIDNOS

Para a psiquiatria e psicologia, toda a diversidade de poss�vel vari�ncia de g�nero - todo desenvolvimento inesperado da identidade de g�nero - � considerado uma "desordem", um "transtorno mental".

Assim sendo, sistematicamente � classificado no DSM - IV � da APA (nos USA, a mais influente associa��o de psiquiatras no mundo, muito influente na OMS-Organiza��o Mundial da Sa�de) como um transtorno mental.

Consideramos que deva ser classificada como GIDNOS a �nica verdadeira situa��o em que poderemos considerar uma vari�ncia de g�nero o fruto de um poss�vel "transtorno mental".

Portanto, n�s consideramos GID e GIDNOS sinonimos, e consideramos aplic� - las apenas para situa��es de extrema falta de possibilidade de exist�ncia de padr�es de desenvolvimento na forma��o da identidade de g�nero, avaliada por nossos testes MFX e FMX, quando nem um estado HBS / TS pode ser perfeitamente identificado e reconhecido, nem uma condi��o TG, nem CD, e para casos de intersexo, tamb�m uma condi��o IG n�o pode ser perfeitamente identificada e reconhecida.

Quando n�o h� padr�es definidos, quando n�o existem desenvolvimentos inesperados mas desenvolvimentos dinamicamente desordenados, quando do estudo da identidade de genero atrav�s de nossos testes MFX ou FMX n�o conseguirmos identificar nenhuma assinatura mas apenas desordem, devemos considerar uma poss�vel real condi��o GID / GIDNOS.

Este � o mais complexo e dif�cil estado para ser plenamente reconhecido, e certamente o estado que requer mais habilidade, sensibilidade e conhecimento para se prestar qualquer ajuda.

A prescri��o de transi��o pode ser muito ben�fica para esses casos, pode ser uma forma de control�-los, mas muito cuidado deve ser tomado. De qualquer forma essa transi��o dever� necessariamente ser muito lenta, bastante limitada podendo sempre ser revers�vel, e deve-se sempre contar com um acompanhamento cont�nuo - com supervis�o face - a - face, sempre quando for poss�vel.

Sobre GID / GIDNOS n�o consideramos generaliza��es. Cada paciente desenvolve uma determinada condi��o muito especial.

Esses casos s�o extremamente raros - menos de 1% do total de casos de disforias de genero de qualquer especie.

Acesso online internacional


Como ajudamos CD's

Se voc� � CD e quer pequena altera��o natural no corpo sem afetar sua a��o sexual, podemos ajudar

Como ajudamos travestis

Travestis desejam grandes mudan�as corporais - de dificil revers�o. Por isso precisam de uma avalia��o completa, e podemos ajudar muito na sua transi��o, para que mantenha sua saude fisica, mental e sexual.

Transexuais

Transexuais precisam da avalia��o completa em 4 passos de forma obrigatoria, e podemos orientar a transi��o e agendar sua SRS e autoriza-la no mundo todo com nossa referral letter. Temos um pacote com desconto se voc� j� estiver transicionada.
SE EST� PRONTA PARA A SRS MtF conhe�a nosso SRSThaiPack AQUI!

Nossos servi�os

Aspectos �ticos

website stat